JUSTIÇA

Ministra Maria Thereza de Assis Moura será presidente do STJ até 2024


Corregedora nacional de Justiça, ministra Maria Thereza de Assis Moura, durante a 61ª Sessão Extraordinária do CNJ. Foto: Romulo Serpa/CNJ

O Pleno do Superior Tribunal de Justiça (STJ) elegeu por aclamação, nesta quarta-feira (11/5), a ministra Maria Thereza de Assis Moura para o cargo de presidente no biênio 2022-2024. Ela, junto com o ministro Og Fernandes que atuará na vice-presidência do STJ, também assumirá o comando do Conselho da Justiça Federal (CJF) a partir de agosto de 2022.

A ministra Maria Thereza será a segunda mulher a chegar à presidência do STJ - a anterior foi Laurita Vaz, no biênio 2016-2018. Ela agradeceu a confiança dos seus pares e se comprometeu a manter e aprimorar o trabalho conjunto na condução do STJ, contando com a participação do corpo funcional, de forma a dar seguimento às boas práticas iniciadas em gestões anteriores.

O ministro Humberto Martins desejou à sucessora que tenha, na direção do Tribunal da Cidadania, o mesmo êxito obtido em sua atuação como corregedora nacional de Justiça - cargo que ela ainda exerce no Conselho Nacional de Justiça (CNJ).



Fonte: STJ


Fale conosco ou participe do nosso grupo do WhatsApp




VEJA TAMBÉM



JUSTIÇA  |   12/05/2022 13h49





JUSTIÇA  |   06/05/2022 21h21